Criterion: “Most Wanted tinha que ter mundo aberto”

05 de Setembro de 2012
15
Criterion: “Most Wanted tinha que ter mundo aberto”

Apesar de Burnout Paradise não ter sido compreendido.

 

Need for Speed: Most Wanted tem o mesmo formato de mundo aberto que o original e para o estúdio Criterion esta era a única opção.

Numa entrevista com o AusGamers, Alex Ward explicou que, “Podes pensar que após Paradise – que foi um jogo bem revolucionário que ninguém compreendeu, de forma alguma iriamos fazer um jogo de mundo aberto – isso era o que sempre quisemos para Most Wanted – sem construir sobre o que fizemos antes. De forma alguma não iriamos inserir a condução fácil, de forma alguma iriam ficar de fora os desafios sociais no multijogador, e abanar um pouco isso.”

“Para nós é sobre ir mais além. Sempre dissemos que cada jogo é um reflexo de quem éramos na altura, e este jogo, Most Wanted, reflete quem somos, provavelmente mais do que qualquer outra coisa: que é social, conectado, que é tudo que um jogo precisa de ser em 2012. Como disse, apenas precisamos precisamos de o mudar; é o que temos que fazer.”

“Acredito que em 2012 um jogo tem que ter forte conectividade, tem que ter os amigos no seu coração. Tenho que poder fazer o que quero, sempre que o quero.”

“Então obviamente, Paradise foi primeira grande pedra de partida. Gostamos de um pouco de revolução; gostamos de revirar do avesso as coisas. Fizemos isso com Burnout, e agora vamos fazer o mesmo para Need for Speed.”

 

Fonte: Eurogamer

Share on Facebook0Share on Google+0Tweet about this on TwitterEmail this to someonePrint this page

Comentários

Autor

Filipe Almeida

Criador e fundador do Portal Xbox Portugal juntamente com a "PXP Team". O Portal Xbox Portugal foi criado com o objectivo de recolher informações e notícias sobre o mundo da Xbox e juntar tudo num local para que tem interesse por esta plataforma, ter tudo filtrado num único sítio.